Embajada en Brasil



Embajada de Venezuela en Brasil
Embaixador da Venezuela participa de encontro entre Lula e intelectuais sul-americanos PDF Imprimir E-mail

cp fijnalPromovida pelo Instituto Lula, atividade debateu desenvolvimento e integração regional

O embaixador da República Bolivariana da Venezuela no Brasil, Maximilien Arvelaiz, participou nesta segunda-feira, 21/01, de um encontro entre o ex-presidente Lula e intelectuais de 8 países sul-americanos. A atividade, promovida pelo Instituto Lula, debateu sobre os caminhos para o desenvolvimento e a integração da América Latina, com o objetivo de identificar uma agenda prática de reflexão e ação sobre o tema.

Para o embaixador, atividades como essa mostram que a América Latina vive hoje um novo momento, a partir da eleição de governos progressistas com vontade política de integração com os países vizinhos e não somente com os países do norte. "O Brasil converteu-se em um parceiro importante da Venezuela desde que o presidente Lula chegou ao poder, em 2003. Por trás do sucesso da relação bilateral entre os dois países está a relação política e de amizade entre Lula e Chávez, que agora continua com a presidente Dilma Rousseff", afirmou o diplomata. Além de uma relação comercial exitosa, com um aumento de 300% do intercâmbio comercial nos últimos 14 anos, Brasil e Venezuela mantêm projetos de cooperação em áreas como habitação e produção agrícola.

Leer más...
 
Com músicas e danças tradicionais, Embaixada da Venezuela comemora 201 anos de Independência do país PDF Imprimir E-mail

Afiche TS 2Grupos venezuelanos se apresentam em São Paulo e Brasília, com ritmos típicos das festas juninas

Por ocasião das celebrações dos 201 anos da independência da Venezuela, comemorada em 5 de julho, a Embaixada da República Bolivariana da Venezuela traz ao Brasil os grupos Cántaro (música) e Caramba (dança), que se apresentam em São Paulo (4/7) e Brasília (7/7), no Memorial da América Latina e no Teatro Nacional, respectivamente.

As apresentações serão uma oportunidade de conhecer o tamunangue e sangueos, ritmos da cultura popular ligados às festas juninas, também celebradas na Venezuela. No país vizinho, o sincretismo das festas de culto à Santo Antônio e São João expressam a riqueza cultural da mistura entre africanos, europeus e indígenas.

No tamunangue há a força dos instrumentos de cordas venezuelanos , uma "batalha de garrotes" - similar ao maculelê brasileiro – e uma dança festiva, descendente das quadrilhas europeias. Já no Sangueos, manifestação oriunda do centro do país, sobrepõem-se os tambores africanos.

Leer más...
 
<< Inicio < Prev 211 212 213 Próximo > Fin >>

Página 212 de 213

Otras Noticias

 

Para la guerra 

todo chavez

Boton Todos Somos Venezuela

 

 

 

 

 

legalizacion.png

botones tramites consulares

botón mercosur2 

   search       imgres youtube

ficha interesse
CartadeJamaica Port